segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

sábado, 25 de dezembro de 2010







Quando enfim penso que estou me acostumando, que estou te esquecendo, você ressurge de forma inesperada ocupando todos os espaços.


Caio Fernando Abreu, mestre. 

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010





Tanta vontade de viajar para bem longe, romper todos os laços, sem deixar endereço.


Incrivelmente Caio F. Abreu.

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010


”Você se cansa de amores incompletos, de amores platônicos, de falta de amor, de excesso disso e daquilo. Se cansa do “apesar de”. Se cansa do rabo entre as pernas, da sensação de estar sendo prejudicado, se cansa do “a vida é assim mesmo”. Você se cansa de esperar, de rezar, de aguardar, de ter esperanças, cansa do frio na barriga, cansa da falta de sono. Você se cansa da hipocrisia, da falsidade, da ameaça constante, se cansa da estupidez, da apatia, da angústia, da insatisfação, da injustiça, do frenezi, da busca impossível e infinita de algo que não sabe o que é. Se cansa da sensação de não poder parar.” 

PC Siqueira

Impossível devolver a linha ao novelo depois que a consciência já teceu novos caminhos...


Não olhe para trás. Certamente existe um motivo para que certas coisas tenham ficado no passado.

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010






Se é pra amar, me ame de verdade, se é pra viver que seja juntos, se não for assim nunca mencione tal frase “eu te amo”, pois para algumas pessoas ela pode siginificar o mundo.


 500 dias com ela.

sábado, 18 de dezembro de 2010


"Ninguem vai bater mais forte do que a vida.
não importa como você vai bater e sim o quanto aguenta apanhar e continuar lutando; o quanto pode suportar e seguir em frente.
é assim que se ganha"

Rocky Balboa

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010




Nunca diga adeus. Porque dizer adeus significa ter que ir embora, e ir embora significa esquecer.

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010



Sempre vai existir essa incansável busca por alguém que escute suas histórias, seus medos, seus fracassos, seus sonhos.. que lhe escute. Não é fácil encontrar, mas não é impossível, não é rápido , mas também não é eterna a busca. Um dia você encontra uma voz doce que te acalma, alguém que sorri pra você e te abraça sem ao menos se mover, encontra um olhar terno que te faz derreter só de olhar, encontra palavras que sempre quis escutar, que sempre disse, mas não costumavam dizer pra você. Quando isso acontecer , agarre, cuide .. porque você acabou de encontrar seu mais lindo esconderijo.

terça-feira, 14 de dezembro de 2010


A pior das dores é a da perda. É um vazio sem fim.


Descanse em paz Isaac. ♥

domingo, 5 de dezembro de 2010



Achando que a solução está no fundo do copo, bebo e sigo tropeçando. E levantando.

sexta-feira, 3 de dezembro de 2010


Hoje foi o último dia de aula de fato, pra quem passou direto, sexta vamos a escola apenas pegar o resultado, amanhã estamos todosdispensados. Já tá doendo TANTO essa saudade que eu não paro de chorar, estou tão instável, tão imprevisível, e penso em um futuro tão incerto
Será que nos veremos de novo? E se nos vermos, quantas vezes serão?
Cada um, com seu jeito, vai deixar uma marca, uma saudade diferente. Dos professores, acho que o André pra mim é o maisinesquecível, pelos 5 anos de convivência, pelas brigas, pelo apoio por tudo, não vai ser a mesma coisa sem nosso debates. O Junio César mandando a gente pegar um livro de 9º ano que vai ter a matéria, ele a fração cabulosa, as cônicas, os números complexos, todo mundo se fudendo em matemática. A Leni sempre muito irritante, e incoerente com suas falas, mas sempre amiga com todo mundo. A Liliane com toda sua categórica ironia que eu tanto amo. A Gislaine querendo saber o que tá rolando. A maravilhosa, digo, a Lilian tentando manter a calma, e ajudando-nos a resolver os problemas da sala, sempre tão simpática. A Elisa tão meiga, tão amiga, tão presente, tão completa. A Karliane tentando me fazer gostar de inglês. O Márcio contando vantagem, e depois dizendo que não se acha o foda. O Ovídio sempre tão direto, e profissional. O Diângelo que mudou tanto seu jeito rígido, e ficou tão brincalhão, pegando no meu pe ¬¬'. O Leandro sempre tão lindo, mesmo dando sono em todo mundo, sempre querendo atenção. O Vinícius que não poderia ser esquecido, já que de fato foi o único que deu aula de Ens. Religioso, sem pregação. A Cláudia que mesmo com defeitos, tentava dar aula... Enfim, todos os professores.
Já dos meus colegas, cada um me lembrará algo, a Lizandra pelos 6 anos de convivência, e sempre presente em tudo. O Andrésempre neutro e presente, sempre tão amigo. A Dhany doida, e sincera. A Déborah uma "grande" pessoa. O Rogério sempre tão fofo comigo. O Christian que me deixou saudades antes mesmo de acabar as aulas :/. A Ulli sempre autoritária e líder, mas tão parecido comigo hoje e com alguém que eu fui um dia. O Igor sempre tão insuportável ¬¬. O Pablin sempre tão froxo :x. ARebeka sempre tão meiga, compreensiva. O Pedrãaaao sempre sendo a piada da sala, o que animava todo mundo. O Luiz com suas críticas, e suas brincadeiras. Enfim, não dá pra citar todos, mas cada um deixou uma marca, e mesmo com todos os defeitos foi um ano excelente que eu não quero esquecer, no entanto quero ter uma memória seletiva, e lembrar só do que foi realmentebom. Deixar toda a raiva que eu senti de vocês para traz, e levar comigo o que eu construí de verdadeiro
Não quero me perder de vocês, alguns mais que os outros.

A cada um, meu muito obrigada, por tudo, por terem aturado meus gritos, meus estresses, minha risada, meu choro, minhas loucuras, minha intolerância, minha ignorância, meu jeito de sempre querer saber tudo e estar acima. OBRIGADA!










Eu estaria mentindo se eu dissesse que estou bem 

3ºrão "01" já me fazem tanta falta. :/

Como eu já disse, vocês dois merecem um destaque especial no meu ano. De todos que eu "conheci" este ano, não diria que vocês foram os mais importantes, mas os mais presentes (na medida do possível), os mais amigos, o mais engraçados, os mais implicantes, o mais bobagentos, os mais curiosos, os mais chatos, os mais estressantes, o mais marcantes. O que a gente passou juntos eu não vou esquecer, as brincadeiras, as conversas, os conflitos, as discussões, os conselhos, os desabafos. Vocês nem imaginam o quanto foram importantes pra mim. Nunca pensei que duas pessoas com as quais eu já estudei junto, e não tive muita afinidade, pudessem se revelar dois amigões mesmo. Até mesmo as decepções foram significantes, foram necessárias para o nosso crescimento, para que soubessimos dar valor ao que construímos, e não mais nos perdermos né? Enfim, eu quero que vocês saibam que realmente são importantes pra mim, vocês sabem que é difícil pra mim  demonstrar meus sentimentos, mas tem dias que eu fico mais sensível. Espero não perder o contato de fato, e estar presente na vida de vocês, assim como os quero comigo, por muito tempo. Obrigada, é a maior forma que eu posso retribuir o que fizeram por mim. Não vou esquecê-los.






sábado, 27 de novembro de 2010



Eu guardo as coisas que envolve nós dois. leio, releio, choro, rechoro, me divirto sempre. me surpreendo com o que escrevo, fico sozinha sorrindo.. tenho em você e no que você deixou comigo mais um motivo pra continuar. sem exageros.

Música...

...muito mais que harmonias, acordes e letras. Muito mais que consoantes e vogais em sucessão. Muito mais que uma palavra de três sílabas. É um instrumento do pensamento. Músicas expressam tudo ou nada. Músicas fazem com que as pessoas reflitam. Músicas agridem. Músicas acolhem. Músicas criam desejos. Músicas enfeitiçam, seduzem e provocam

sexta-feira, 26 de novembro de 2010





E todos os dias ficarei tão alegre que incomodarei os outros.  
Clarice Lispector 


terça-feira, 23 de novembro de 2010



As coisas passam, e o melhor que fazemos é deixar que elas realmente possam ir embora. Antes de começar um capítulo novo, é preciso terminar o antigo: diga a si mesmo que o que passou, jamais voltará. lembre-se de que houve uma época em que podia viver sem aquilo, sem aquela pessoa - nada é insubstituível, um hábito não é uma necessidade. Pode parecer óbvio, pode mesmo ser difícil, mas é muito importante. Encerrando ciclos. Não por causa do orgulho, por incapacidade, ou por soberba, mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida.

segunda-feira, 22 de novembro de 2010


O nosso maior erro talvez seja a expectativa, que sempre leva a decepção... eu esperei demais, mas tá bom, não vou desistir, agora é estudar mais e aguardar o resultado, que venha a segunda fase, e que eu me supere.


(yn)

domingo, 21 de novembro de 2010




 Nós estamos tão acostumados a adiar a nossa felicidade, adiamos quando passamos em um vestibular, adiamos quando vamos conseguir um emprego melhor, adiamos quando vamos comprar nosso carro, adiamos para quando comprar nossa casa, adiamos para quando vamos nos casar. Vamos viver nossa felicidade e aprender com nossos erros. E o FRACASSO? Esse se transformará em vitória, não só hoje, mas o vestibular é só mais um obstáculo minúsculo que você tá passando, viram piores. E a vaga é sua. Se não for hoje, vai ser amanhã ou depois.O que não devemos perder são as esperanças, e não ser um derrotado com o primeiro minúsculo obstáculo. Nós merecemos, nós somos fortes, nós iremos vencer!

Já somos vitoriosos por não termos decididos, vamos lá, e todo o esforço, todas as concessões serão recompensados agora!

sábado, 20 de novembro de 2010


É amanhã, e eu só peço que todo esforço seja recompensado, e que tudo dê certo, tô bem mais calma, afinal ...
então, boa prova pra todos nós.



'Eu preciso muito muito de você eu quero muito muito você aqui de vez em quando nem que seja muito de vez em quando você nem precisa trazer maçãs nem perguntar se estou melhor você não precisa trazer nada só você mesmo você nem precisa dizer alguma coisa no telefone basta ligar e eu fico ouvindo o seu silêncio juro como não peço mais que o seu silêncio do outro lado da linha ou do outro lado da porta ou do outro lado do muro.Mas eu preciso muito muito de você.'

quinta-feira, 18 de novembro de 2010


Nunca falei sobre mim de fato, nem postei textos meus. Hoje, 18 de novembro de 2010, o dia amanheceu lindo, adoro neblina, me traz calma, apesar de eu não ser muito fã de frio. Ando sem tempo, minha vida está um tanto quanto corrido, e vida social é uma coisa que eu vou abrir mão por mais um mês, faltam exatamente dois dias e três noites pra uma das datas mais significantes pra mim, uma etapa e um passo importante na minha vida. Ansiedade, medo, receio, apreensão, entre vários outras sensações passam por mim agora, aquele frio na barriga, e um medo muito grande, mas sou forte e capaz, e vou conseguir. E tem Alguém, lá em cima, olhando por mim, Ele sim, é justo, e nunca falha. Deus, proteja-me agora mais que nunca, e me traga calma e tranquilidade nesses últimos dias. Obrigada desde já.

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Bipolar



Inconstante, super conversadeira, cheia de manias, fresca, chata, quase anti-social. Ás vezes tímida, ás vezes louca, ás vezes atirada, ou não. Não gosto de me sentir sufocada. Tenho nojo de falsidade ou qualquer coisa desse tipo. Tenho fases que nem a lua, ás vezes nem eu mesma me entendo. Hoje, quero muito. Amanhã? talvez. Não dou trabalho. Não levo desaforo pra casa, pareço boazinha, mas pisa no meu calo, pra ver só… Ás vezes sensível, ás vezes fria. Defeitos? muitos. Mas acredito que minhas qualidades superam esses defeitos. Achava que esse meu jeitinho me incomodava, mas agora vejo que é isso que eu sou, de verdade, é minha essência, meu caráter.

domingo, 14 de novembro de 2010





(...) mas dirás assim, por exemplo, como você sabe, sim, como você sabe, a gente, as pessoas, infelizmente têm, temos, essa coisa, emoções, mas te deténs, infelizmente? o outro talvez perguntaria por que infelizmente? então dirás rápido, para não distanciar-se demasiado do que estabeleceste, qualquer coisa como seria bom se pudéssemos nos relacionar sem que nenhum dos dois esperasse absolutamente nada, mas infelizmente, insistirás, infelizmente nós, a gente, as pessoas, têm, temos - emoções. Meditarias: as pessoas falam coisas, e por trás do que falam há o que sentem, e por trás do que sentem há o que são e nem sempre se mostra. Há os níveis não-formulados, camadas imperceptíveis, fantasias que nem sempre controlamos, expectativas que quase nunca se cumprem, e sobretudo emoções. Que nem sempre se mostra (...) 



Caio Fernando Abreu, in. Morangos Mofados

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

meu eu.


É fácil morrer. A toda hora, em todos os lugares, a morte está se oferecendo. Mais difícil é continuar vivendo. Eu continuo. Não sei se gosto, mas tenho uma curiosidade imensa pelo que vai me acontecer, pelas pessoas que vou conhecer, por tudo que vou dizer e fazer e ainda não sei o que será.
[...]
Mas gosto, gosto das pessoas. Não sei me comunicar com elas, mas gosto de vê-las, de estar ao seu lado, saber suas tristezas, suas esperas, suas vidas.
(Caio F. Abreu)

quinta-feira, 11 de novembro de 2010



Me promete amor sincero, uma vida inteira
Que com você o meu inverno vira primavera
Vive me jurando estar apaixonado
Prometeu o mundo e nunca me deu nada
Você não cumpre nada
Que se eu seguir o seu caminho chegarei ao céu
Eu vou provando o gosto amargo do seu doce mel
Na mentira das palavras, entro no seu jogo
Procurando água, só encontro fogo
E queimo nesse fogo
Quando você fala tão apaixonado
"Meu amor eu sempre estarei contigo"
olho nos seus olhos, me emociono e choro
Sei que é mentira, mais me sinto viva
Mesmo sendo falso o ar, sinto que respiro
Mentes tão bem
Que parece verdade, o que você me fala
Vou acreditando
Mentes tão bem
Que até chego a imaginar, que não quer me enganar
Que me ama de verdade
Mentes tão bem 
(...)



liberdade!



Uma garota é solteira não porque ninguém a quer, mas porque pouquíssimos são os homens capazes de satisfazê-la por mais de uma noite.

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Começo, meio e fim.




Sempre acho que namoro, casamento, romance, tem começo, meio e fim. Como tudo na vida. Detesto quando escuto aquela conversa: - Ah, terminei o namoro... - Nossa, estavam juntos há tanto tempo... - Cinco anos.... que pena... acabou... - é... não deu certo... Claro que deu! Deu certo durante cinco anos, só que acabou. E o bom da vida, é que você pode ter vários amores. Não acredito em pessoas que se complementam. Acredito em pessoas que se somam. Às vezes você não consegue nem dar cem por cento de você para você mesmo, como cobrar cem por cento do outro? E não temos essa coisa completa. Às vezes ela é fiel, mas é devagar na cama. Às vezes ele é carinhoso, mas não é fiel. Às vezes ele é atencioso, mas não é trabalhador. Às vezes ela é muito bonita, mas não é sensível. Tudo junto, não vamos encontrar. Perceba qual o aspecto mais importante para você e invista nele. Pele é um bicho traiçoeiro. Quando você tem pele com alguém, pode ser o papai com mamãe mais básico que é uma delícia. E às vezes você tem aquele sexo acrobata, mas que não te impressiona... Acho que o beijo é importante... e se o beijo bate... se joga... se não bate... mais um Martini, por favor... e vá dar uma volta. Se ele ou ela não te quer mais, não force a barra. O outro tem o direito de não te querer. Não brigue, não ligue, não dê pití. Se a pessoa tá com dúvidas, problema dela, cabe a você esperar... ou não. Existe gente que precisa da ausência para querer a presença. O ser humano não é absoluto. Ele titubeia, tem dúvidas e medos, mas se a pessoa REALMENTE gostar, ela volta. Nada de drama. Que graça tem alguém do seu lado sob pressão? O legal é alguém que está com você, só por você. E vice-versa. Não fique com alguém por pena. Ou por medo da solidão. Nascemos sós. Morremos sós. Nosso pensamento é nosso, não é compartilhado. E quando você acorda, a primeira impressão é sempre sua, seu olhar, seu pensamento. Tem gente que pula de um romance para o outro. Que medo é este de se ver só, na sua própria companhia? Gostar dói. Muitas vezes você vai sentir raiva, ciúmes, ódio, frustração... Faz parte. Você convive com outro ser, um outro mundo, um outro universo. E nem sempre as coisas são como você gostaria que fosse... A pior coisa é gente que tem medo de se envolver. Se alguém vier com este papo, corra, afinal você não é terapeuta. Se não quer se envolver, namore uma planta. É mais previsível. Na vida e no amor, não temos garantias. Nem toda pessoa que te convida para sair é para casar. Nem todo beijo é para romancear. E nem todo sexo bom é para descartar... ou se apaixonar... ou se culpar... Enfim...quem disse que ser adulto é fácil ? 

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

"Quem tem um amigo, mesmo que um só, não importa onde se encontre, jamais sofrerá de solidão; poderá morrer de saudades, mas não estará só." 
 (Amir Klink )

Se ele não impede tua queda, ele não mede forças pra te ajudar a levantar.
Aos meus amigos, saibam, vocês não estão sozinhos, e no que depender de mim, jamais estarão.